Amplie Sua Empresa Através Do Planejamento Estratégico

Amplie sua empresa através do planejamento estratégico

Ampliar uma empresa é um dos maiores desafios que um empresário pode enfrentar. As dúvidas são constantes e, em um tempo onde a incerteza parece ser a única certeza, tomar decisões visando o longo prazo é quase desesperador.

Entretanto, não é uma missão impossível. Através de um bom planejamento estratégico, é possível entender o que está ocorrendo hoje na sua empresa, quais são as possíveis barreiras internas e externas e como agir de forma coerente com os seus objetivos.

Neste artigo, mostraremos um pouco de cada um desses elementos e ofereceremos uma ferramenta de grande auxílio para o seu crescimento.

Confira!

Começando o seu plano

Antes de mais nada, é necessário entender como está sua empresa hoje. Quais são os pontos fortes e pontos fracos da sua empresa? Quais são as oportunidades que você pode desfrutar e quais ameaças você deve evitar? Para fazer isso, uma análise SWOT é muito bem-vinda e eficaz.

Uma vez que seu presente está bem claro, é hora de começar a vislumbrar o futuro. Comece entendendo quem é o seu cliente e quais são suas demandas. A partir daí você pode começar a pensar sobre quais são as mudanças que você pode realizar para criar valor a eles.

Junto à criação de valor em seus produtos e serviços, coloque também seus objetivos de maximização do valor do seu negócio: seria melhor desenvolver uma empresa para vende-la ou ampliá-la para se consolidar no mercado ao longo do tempo?

Uma vez que você tenha respostas para essas perguntas, você terá uma estrutura sólida para começar o seu plano estratégico de crescimento.

Vencendo as barreiras internas

As barreiras internas são aquelas dificuldades que se encontram dentro da própria empresa. Vejamos aqui 5 barreiras e como vencê-las:

  1. Incerteza na valorização da empresa

Quando o planejamento estratégico da empresa é deixado de lado e questões como a criação de valor aos clientes são negligenciadas, sua empresa começa a perder o valor. E não pense que a pandemia amenizou esse fato.

É sempre bom estar atento aos meios disponíveis, mesmo em meio a crise, de fazer sua empresa crescer e manter-se relevante. Isso significa considerar uma fusão com outra empresa, abrir novos canais de vendas, explorar novos mercados ou até mesmo desenvolver novos produtos.

Entretanto, não confunda esta análise com mudanças internas imediatas.

Você se lembra que no começo do seu plano você traçou seus pontos fortes, pontos fracos, oportunidades e ameaças? A partir desses elementos, você deve criar um modelo operacional consistente, o qual irá ditar o ritmo dos seus negócios. Claro, esse modelo operacional pode trazer diversas mudanças. Mas elas só ocorrem quando ele já está em prática, e não antes.

  1. Escassez de talentos

Uma das principais barreiras internas a ser vencida é a falta de talentos. Desde o alto escalão até o chão de fábrica, essa é uma demanda recorrente. E não se engane: essa demanda pode interromper o seu plano e até mesmo arruiná-lo.

Para superar essa barreira é necessário um desenvolvimento tático criativo. Isto inclui: aumentar ou criar novos meios de recompensas; estimular o home-office; incluir a flexibilização de horários de trabalho; automatizar certas funções e expandir programas de treinamentos internos. Todas essas ações são capazes de atrair novos talentos, diminuir custos e desenvolver e reter os talentos que já fazem parte da empresa.

  1. Incapacidade de cumprir o plano

Para que um plano se cumpra conforme o planejado, é necessário que haja clareza dos objetivos propostos e quais serão as ações necessárias para alcança-los. Para isso, é preciso que haja indicadores e métodos que mostrem com certeza o progresso do plano.

Alcançar a clareza dos objetivos e ações requer um alto nível de comprometimento e honestidade em relação ao desempenho do plano e da empresa. Uma vez que isso ocorra, é possível desenvolver uma cultura organizacional na qual se pode eliminar partes ineficazes do plano e potencializar o que está dando certo.

Outro ponto importante é o temperamento do executivo responsável pela execução do plano. Seja ele conservador ou alguém que goste de correr riscos, esses temperamentos podem influenciar muito o desenvolvimento e execução do plano.

  1. Não saber como otimizar as vendas

A mudança para o comércio eletrônico parece ser inevitável. Isso o tempo de pandemia tem deixado claro. Seja mudar 100% das suas vendas para esse modelo ou expandir suas vendas para o mundo online, esta é uma ação necessária para a otimização das vendas.

Outras formas de vencer essa barreira é automatizar alguns ou todo o processo de venda, desenvolver e/ou melhorar os treinamentos internos ou contratar novas ferramentas de marketing.

  1. Problemas em empresas familiares

A pandemia deixou claro que a grande maioria das empresas familiares não possui um plano de ação de crescimento estratégico ou até mesmo um plano de sucessão.

Para vencer essa barreira é necessário que se comece a pensar no futuro e a modelar os planos. Antecipar o futuro é a melhor maneira de manter sua empresa sustentável.

Vencendo as barreiras externas

As barreiras externas são aquelas que estão presentes fora da empresa. Veja a seguir 4 barreiras externas que você pode enfrentar durante o crescimento da sua empresa:

  1. Dificuldade em criar valor aos clientes

Vivemos na era dos dados. Hoje, as empresas tem dados valiosos sobre seus clientes. Infelizmente, poucas tem a capacidade de usá-los em seu favor.

Entender esses dados é entender como o seu cliente consome, o que ele consome e quais são suas expectativas. A partir daí a criação de valor fica evidente e você conseguirá satisfazer e surpreender seu cliente de maneira mais fácil e eficaz.

  1. Não saber como financiar o plano

Há diversas opções para se financiar um plano de crescimento: empréstimos, vender parte da empresa ou através de subsídios governamentais e incentivos fiscais.

O importante aqui é entender o quanto é necessário para o seu plano e qual opção se adequa melhor à realidade da sua empresa.

  1. Riscos na cadeia de suprimento e expansão global

Atualmente, as empresas estão expandindo sua visão e buscando alternativas para suas cadeias de suprimentos. Há um olhar atento para os fornecedores chineses e asiáticos, assim como um melhor entendimento dos fornecedores locais.

  1. Recessão e outras crises financeiras

Aqui a incerteza é uma das principais preocupações. Em meio às crises, é necessário adotar uma postura mais conservadora no curto prazo, visando sempre o plano estratégico e os objetivos financeiros de longo prazo.

Amplie o seu conhecimento

Desenvolver e ampliar uma empresa é um enorme desafio. Contudo, a base de tudo isso é uma só: o conhecimento.

Se você deseja ampliar o seu conhecimento sobre o desenvolvimento de um plano de crescimento estratégico conciso e eficaz, convidamos você a baixar nosso ebook “Plano de Crescimento Estratégico para Empresas: O básico, as barreiras e o pivô para o sucesso”.

Todas as questões levantadas neste artigo irão ser tratadas com maior profundidade no e-book.

Não perca tempo! Clique aqui e acesse esse rico conteúdo agora mesmo. O conhecimento pode transformar o futuro da sua empresa, hoje.

×Close search
Buscar